.

NOTÍCIAS

Bolsonaro recria Ministério das Comunicações e revela mais durante entrevista

Publicado

em

8182712_x720

Através de uma postagem em sua rede social na noite dessa quarta-feira (10), o presidente Bolsonaro reafirmou a recriação do Ministério das Comunicações, com esse são 23 ao todo. O ministro que  assumirá o cargo será o deputado Fabio Faria do PSD, partido que compõe o Centro. O político faz parte da família do empresário e dono do SBT Silvio Santos e Bolsonaro diz confiar em sua competência pela convivência no meio televisivo.

O presidente já havia feito o anúncio em uma breve entrevista as jornalistas, onde reiterou que  nova pasta não irá acrescentar gastos a maquina publica, e trará mais autonomia para agir e tomar decisões: “Nenhum cargo foi criado, somente o do próprio ministro, assim, ele escolhe entre o seu salário de deputado ou o salário de ministro, custo zero.” disse Bolsonaro.

Questionado se haveria mudanças na TV estatal, o presidente disse que não pretende fazer alterações, somente ter alguns programas jornalísticos. Disse também que não deseja competição com o setor midiático privado, e de que a iniciativa privada nessa área sempre será superior. O presidente afirmou que o novo ministro possui um bom relacionamento com todos e que não houve resistência para a aceitação da indicação, dizendo também que não está se baseando em acordos para fazer sua escolha e sim na sua capacitação. Essa aproximação do presidente com alguns partidos que compõe o “centrão” tem gerado criticas por parte de alguns apoiadores, pois muitos não confiam em suas intenções politicam.

Bolsonaro também admitiu que a promessa de reduzir os ministérios para apenas 15 é atualmente inviável,  e de que o desmembramento do atual ministério da justiça ainda é um estudo remoto. No entanto, existe um projeto para dar autonomia ao Banco Central, o que acabaria reduzindo o número para 22 ministérios novamente.

A atual pasta da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações será desmembrada em duas. O ex-astronauta Marcos César Pontes irá ficar como ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações e o ex-deputado federal Julio Semeghini Neto (PSDB-SP) continua como seu secretário executivo. Já o chefe atual da Secretaria Especial de Comunicação Social, Fabio Wajngarten, vai assumir o cargo de secretário executivo do renovado Ministério das Comunicações.

“Nesta data, via MP, fica recriado o Ministério das Comunicações a partir do desmembramento do Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. Para a pasta foi nomeado como titular o Deputado Fabio Faria/RN”, publicou ele.

 

Destaque

Tecno Notícias