7. Meio caminho andado

Portanto, para gerar uma acréscimo do score de crédito do Serasa, é necessário lembrar que a pontuação é dinâmica. Assim, seu score poderá mudar de um dia por outro. No entanto, a variação depende, em grande parte, de como você se comporta em relação ao mercado.

Uma boa ideia é colocar todas suas contas no débito automático, não tendo o risco de esquecer e entrar no cheque especial. Fazer pagamentos sempre no débito e à vista certamente também é uma boa estratégia.

8. o Cadastro Positivo

O Cadastro Positivo funciona como um currículo financeiro. Dessa maneira, entram o pagamento de contas em dia, as compras com cartão de crédito e os empréstimos, os financiamentos e crediários efetuados. Portanto, mantenha sempre seus pagamentos em dia para aumentar o score de crédito.

9. Independência das dívidas

Caso esteja endividado, tente pagar suas dívidas o mais rápido. Como já explicamos, ter pendências em aberto não ajuda no acréscimo do score de crédito na Serasa. Portanto, uma boa solução é procurar a empresa ou instituição para a qual você está devendo e negociar esse pagamento.

10. 20% do seu salário

Essa dica é valiosa: evite comprometer mais do que 20% do seu salário com dívidas. Se você recebe R$ 2.000 por mês, por exemplo, suas prestações não devem ser maiores do que R$ 400.

11. Acabe com maus hábitos

Diminuir os gastos desnecessários, tenha uma poupança para emergências, faça um orçamento e uma lista de suas dívidas e, quando for pedir crédito, seja sempre sincero ao fornecer informações. Além disso, busque sempre pagar suas faturas e boletos em dia. Isso tudo ajuda a aumentar seu score de crédito e sua reputação no mercado.

12. Seja constante

Por fim, infelizmente você não vai aumentar o score de crédito do dia para a noite, e aumentá-lo não significa que ele estará sempre alto. Dedique-se em tempo integral, durante todos os meses do ano, e siga as regras básicas: nome limpo, dados atualizados, contas pagas em dia e cadastro positivo.